Por uma vida mais significativa.

[tweetmeme source=”marcelocmaia” only_single=false]

A esperança é um grande vício, ela é a morfina que  anestesia e torna vidas miseráveis em toleráveis, ela é responsável por dar algum  sentido para   existência,

paraiso do lugar comum “realize seus sonhos”  “vá atrás do que você acredita”  se ocupe, assim você foge  da responsabilidade do agora, se esquece da inexorável passagem

do tempo, do hoje, do presente e projeta sua felicidade  em um amanhã que nunca chega, sempre sonhando  e esperando  o dia que algo extraordinário aconteça  e seja a

redenção de para uma vida  sem sentido.

Quando eu tiver o amor, o apartamento, o carro, o emprego o reconhecimento, nesse dia serei Feliz.”

Na mitologia grega Pandora é a primeira muher que chega a terra e, com ela todos os males e  tragédias humanas. De acordo com o  Mito, o titã Prometeu presenteou os homens

com o fogo para que dominassem a natureza. Zeus, o chefão dos deuses do Olimpo, que havia proibido a entrega desse dom à humanidade, arquitetou sua vingança criando

Pandora,  Antes de enviá-la à Terra, entregou-lhe uma caixa, recomendando que ela jamais fosse aberta. Dentro dela, os deuses haviam colocado um

arsenal de desgraças para o homem.  Vencida pela curiosidade, Pandora acabou abrindo a caixa, liberando todos os males no mundo mas a fechou arrependida antes que a ESPERANÇA pudesse sair.

Gosto de pensar na esperança  como um MAL disfarçado,  que não saiu da caixa..  e por isso  ela me angana e   TENTA me fazer  vender barato o meu presente certo, por uma busca cega de um

amanhã  incerto. por isso quero TUDO e QUERO AGORA.

Quando observo alguns idosos mais sábios, percebo que eles não vivem mais para  o amanhã, eles não querem provar nem buscar mais nada,  eles sabem o valor do tempo  não esperam

mais nada e só querem viver o agora, que não por acaso ele se chama PRESENTE.

A Religião que se apoia  na ƒé e no medo da morte vende sua  esperança metafísica,  de uma vida  de culpa e medo para se ganhar em troca  um lugar na eternidade incerta, que maravilhosa

ferramenta de manipulação das massas.  vende controla e não garante a entrega.

Por uma vida  Desesperançada, e mais significativa.

Há um tempo em que é preciso abandonar as roupas usadas, que já tem a forma do nosso corpo, e esquecer os nossos caminhos, que nos levam sempre aos mesmos lugares. É o tempo da travessia: e, se não ousarmos fazê-la, teremos ficado, para sempre, à margem de nós mesmos.”

Fernando Pessoa

7 Responses to “Por uma vida mais significativa.”


  1. 1 Fatinha Costa 5 de setembro de 2010 às 17:11

    Marcelo,

    Que post espetacular!

    Estou me sentido assim: vivendo a desesperança porque entrei de cabeça no meu presente, sem esperar o futuro incerto.

    E me joguei sem rede de proteção alguma. Foi uma queda no abismo porque nela/nele estava o prazer daquele instante.

    A dor era inevitável e eu não tinha morfina na mochila para amenizar o baque no chão.

    Com certeza tb abri a Caixa de Pandora, mas deixei que a esperança voasse junto com todos os outros males.

    Entretanto, que curioso, não me arrependo de nada do que fiz ou tenho feito. Pago o preço por esses atos com gosto. Era isso ou o quê? A felicidade alojada no meu futuro tão incerto e cada vez mais perto do fim?

    Já fui jovem e pensei que a vida ia começar quando isso ou quando aquilo.

    Muito cedo aprendi que não. Um dia acordei e estava à beira da morte. Da morte física. Então, morri por dentro durante anos. Até que despertei e entendi essa complexa equação entre desejos e tempos.

    Optei pelo presente em todas as suas facetas. As boas, que me provocam risos, suspiros e prazer; e as péssimas, que me jogam no fogo do inferno que é a realidade quando não satisfaz nossas vontades sempre imperiosas.

    Fatinha

    • 2 Marcelo Carrera 5 de setembro de 2010 às 17:45

      Esse tema é indigesto, meio fora do contexto atual, e do senso comum, resolvi dividir meus pensamentos, para que no futuro não digam que eu compartilhava com esse
      pensamento corrente, prefiro ser mal compreendido hoje, a não me posicionar. A filosofia te leva para um lugar que te deixa meio sozinho.

      Mas é assim que é,, é assim que vai ser..

      Bj

      • 3 Fatinha Costa 5 de setembro de 2010 às 18:23

        Esse tema, por ser ‘indigesto’, é ‘evitado’: como é possível viver ‘sem esperança’ ou sem a ideia de que é no futuro incerto e nem sempre ‘entregue’ que se encontram as ‘recompensas’ pelas privações do presente sem retoques?

        A ‘morfina’ (de todas as origens) vicia rapidamente porque nos faz ‘voar’ para bem longe de tudo o que incomoda o corpo e a alma.

        Sozinhos todos somos, sempre e para sempre, desde o começo até o fim. Ocorre que há momentos de ‘solidão acompanhada’, que nos passam falsas impressões de proximidade com os outros.

        Nunca acreditei nisso e, assim, sou considerada outsider pela família e a maioria dos conhecidos/amigos.

        “Menina esquisita”, era como se referiam a mim quando criança que ficava lendo sob uma árvore da casa de Angra, enquanto todos os primos ‘interagiam’ jogando bola no mar, esquiando, jogando cartas.

        Décadas mais tarde, continuo sendo a ‘sinistra’ da família, por trás de uma câmera fotográfica, na frente de uma tela de computador, escrevendo, clicando, lendo, em silêncio, na penumbra, longe das festas, do circo, do alarido em volta da mesa de jantar.

        Não sei o que me jogou aqui. Mas, por mais que eu tente, não consigo ser de outro jeito. E só não fui embora antes porque não tenho a corajem necessária.

  2. 5 Andrea Salgueiro 27 de setembro de 2010 às 04:14

    Lindo. Verdadeiro. Poético. Triste de uma certa forma, mas cheio de coragem de dizer o que na verdade se sente.
    Eu tb vivo dias assim.
    Gostei!!!
    Beijo.


  1. 1 Linux Trackback em 10 de fevereiro de 2016 às 20:10

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




Follow carreramarcelo on Twitter

Flickr

Mais fotos

Blog Stats

  • 28,824 Visitas

Atualizações Twitter

Twitter

Facebook

Bookmark and Share

x

Mais Avaliados


%d blogueiros gostam disto: